Opel Desenvolve Versão Elétrica do Corsa… Para Ralis

0

A Opel tem em curso um programa de testes para desenvolver uma versão elétrica de competição do modelo Corsa. Trabalhando intensamente em testes em dois protótipos no seu Centro de Dudenhofen, a marca conta ter o Corsa e-Rally a competir em 2020/21 no ADAC Opel e-Rally Cup, competição monomarca do calendário alemão.

“Queremos que ambos os carros façam o maior número possível de quilómetros, o que nos permitirá reunir o máximo de informação numa fase inicial”. disse Jörg Schrott, Diretor da Opel Motorsport. “Não existia experiência de carros elétricos em ralis em que nos pudéssemos basear, portanto tivemos que realizar cálculos e simulações na fase mais embrionária, os quais vão sendo agora gradualmente substituídos por dados recolhidos em condições reais. Entre os múltiplos aspetos em que nos estamos a debruçar, dedicamos particular atenção à gestão de cargas e temperaturas da bateria em condições de rali, ao mesmo tempo que vamos procedendo a adaptações do ‘software’. Tudo está a correr de acordo com o plano”.

Na segunda fase de testes destes novos carros, a Opel irá estar focada nas performances do e-Rally, com 100 kW/136 cv. Concluídos os testes, a marca de Russelsheim irá produzir 20 unidades do Corsa e-Rally para clientes na Alemanha, 15 delas entregues até ao próximo Verão.

“Numa competição monomarca, é importante que todos os automóveis apresentem o mesmo nível de desempenho e, ao mesmo tempo, que as ‘performances’ permaneçam constantes sob todas as condições. Esta é a forma de assegurar oportunidades iguais para todos os concorrentes”, referiu Schrott. “Também decidimos que o Corsa-e Rally deverá superar os padrões elevados do modelo da edição anterior do troféu, o Opel ADAM Cup. Embora a potência seja semelhante, o binário de 260 Nm do novo Corsa elétrico é muito mais elevado do que o do ADAM. O centro de gravidade é baixo, graças ao facto de as baterias estarem montadas no piso. A distribuição de peso também é muito boa, o que é extremamente importante para obter um automóvel de competição ágil. Agora precisamos de chegar às melhores afinações de chassis. Em janeiro vamos começar testes em troços de estrada reais”.

Munido do mesmo tipo de bateria de um automóvel convencional, o Opel Corsa e-Rally tem uma autonomia de 337 km (norma WTLP) e um sistema de monitorização cuja gestão eletrónica permite optar por três modos de funcionamento: Competição (máxima potência e binário), Chuva (através do binário melhora a tração em pisos escorregadios), Eco (poupança de energia).

Fotos: Opel

Ford Fiesta R1 Terá Troféu na Alemanha

0

A M-Sport Polónia está a preparar-se para organizar um troféu de ralis, na Alemanha, com base no Ford Fiesta R1. A divisão polaca da M-Sport, com alguma tradição no apoio a jovens pilotos e com um percurso de sucesso na organização de competições no formato monomarca, decidiu avançar para esta iniciativa após o sucesso da Armin Schwarz Driving Experience, que a semana passada reuniu mais de 70 jovens equipas, numa sessão de testes com os novos Ford Fiesta R1 e R2. Neste evento, a M-Sport e o ex-piloto de ralis alemão tiveram a oportunidade de testar ambos os carros, dessa forma podendo decidir qual a melhor opção para a competição que pretendem agora colocar de pé.

O Fiesta R1, visto como o primeiro degrau na iniciativa ‘Ladder Of Opportunity’ da Ford, foi a escolha ideal para colocar no terreno uma competição que visa encontrar novos talentos de ralis na Alemanha. Programas semelhantes ao que se pretende agora implantar na Alemanha, já ocorrem em países como a Estónia, Itália, Finlândia e Reino Unido.

Tanto a M-Sport Polónia como Armin Schwarz estão agora no processo de reunir o interesse de possiveis participantes e eventuais apoios que ajudem a colocar de pé esta competição.

Texto: Jorge Cabrita – Foto: Oficial/M-Sport

Peugeot Mostra 208 Rally 4

0

O Peugeot 208 Rally 4 é a nova arma dos construtor francês para o mundo dos ralis, mais concretamente na categoria de duas rodas motrizes, rebatizada pela FIA de ‘Rally 4’. Este modelo, no qual a casa de Sochaux vem trabalhando desde o verão de 2018, baseia-se no novo Peugeot 208, aproveitando as suas evoluções técnicas e estéticas.

Herdeiro direto do 208 R2, o 208 Rally 4 conta com um novo motor PureTech (3 cilindros) de 1.2 litros e 208 cv, fazendo uso de um turbocompressor (maior que na geração R2), gestão eletrónica Magnetti Marelli e caixa de velocidades Sadev. A plataforma escolhida é a CMP (segmento B do Grupo PSA), que se destaca pelo menor peso e maior dinâmica, com ganhos em termos da performance desportiva.

A nova aposta da Peugeot para o ‘universo’ das duas rodas motrizes nos ralis tem estreia marcada para o próximo fim de semana, no Rali Comunidad de Madrid, em Espanha. O carro utilizará as cores da Peugeot Rally Academy e será conduzido pelo espanhol Efren Llerena, navegado por Sara Fernandez, dupla que este ano se sagrou Campeã Europeia de Ralis na categoria ERC3. Uma unidade deste modelo estará também este fim de semana exposta no Rali du Var, etapa final deste ano do Campeonato de França FFSA de Ralis de Asfalto.

Com a homologação desta nova ‘arma’ a prolongar-se até ao final do primeiro trimestre de 2020, a Peugeot vai iniciar as pré-encomendas do novo 208 Rally 4 em janeiro de 2020, nos serviços comerciais da Peugeot Sport. O preço proposto será de €66.000 (sem impostos). As primeiras unidades do Peugeot 208 Rally 4 serão entregues, prioritariamente, aos participantes das copas francesa e ibérica da Peugeot 208 Rally Cup de 2020.

Fotos: Oficiais/Peugeot Sport (Flavien Duhamel)

MAIS NOTÍCIAS