O anúncio foi feito oficialmente ontem e traz excelentes notícias para o FIA World Endurance Championship. A partir de 2022, a Peugeot e a Rebellion Racing unem forças no campeonato e nas 24 Horas de Le Mans. Estes dois nomes, um de enorme sucesso na disciplina e outro com história nos Sport Protótipos, ‘abraçam’ o desafio da nova categoria Hypercar.

Os detalhes deste projeto de extrema importância serão revelados em janeiro de 2020, altura em que a Peugeot Sport e a Rebellion Racing definem a nova estrutura da equipa.

A marca de Sochaux começou a escrever uma página de sucesso nas competições de resistência ao vencer o mundial de Sportscar (Sport Protótipos) em 1992, na altura com o Peugeot 905. No ano seguinte, com o mesmo modelo, garantiu os três primeiros lugares nas 24 Horas de Le Mans. Regressou em 2007 a este tipo de competição, vencendo o Le Mans Series com o Peugeot 908 HDi FAP. Com o mesmo carro, garantiu os dois primeiros lugares nas 24 Horas de Le Mans de 2009, além de conquistar a Intercontinental Le Mans Cup em 2010 e 2011.

A Rebellion Racing venceu a categoria LMP1 no Le Mans Series em 2011. No ano seguinte, além de vencer entre os LMP1 Privados (4ª Geral) nas 24 Horas de Le Mans, conquistou o FIA Endurance Trophy de LMP1. Em 2013, 2014, 2015 e 2016, tornou a vencer o FIA Endurance Trophy de LMP1, além de se destacar com vitórias na etapa do American Le Mans Series de Petit Le Mans (2013) e à classe (LMP1 Privado) nas 24 Horas de Le Mans de 2014, 2015 e 2016. Em 2017 venceu o FIA Endurance Trophy de LMP2.

Texto: Jorge Cabrita – Foto: Peugeot

Leave a Reply

avatar
  Subscribe  
Notify of